REVISTA VIRTUS


Revista Virtus – Uma revista alternativa by falle criativo

 artigos
Algumas revistas e jornais nasceram de idéias inovadoras ou revolucionárias, nas guerras mundiais e até mesmo na ditadura militar brasileira tivemos exemplos claros de espaços criados para o debate público. Durante o regime militar, instaurado a partir do golpe de 64, os comunicadores desenvolveram um trabalho de resistência e criaram jornais alternativos e até mesmo de oposição ao governo. Nesta época, a grande imprensa se posicionava de duas maneiras: sofria censura ou se afinava com o governo.

Os jornais alternativos marcaram aquela época, porque denunciavam os abusos de tortura e violação dos direitos humanos em nosso país. Surgiram jornais como Versus, Repórter, Opinião, Movimento e o Pasquim. Hoje, mais de 40 anos depois, a grande imprensa continua ainda é um espaço de poucos e, no Brasil, podemos ver claramente a violação dos direitos humanos, por isso tornam-se necessários, novamente, espaços alternativos e de debate público, com posições diferentes daquelas encontradas nos outros meios.

Nesse novo cenário nasce a Revista Virtus, espaço com uma nova proposta de meio de comunicação. A revista nasceu na internet para expandir de outras maneiras, a idéia é ser um espaço dinâmico e aberto a autores das mais variadas especialidades e interesses. Esse espaço dinâmico é semelhante às nossas idéias que costumam mudar constantemente.

O idealizador da revista, o estudante universitário Yuri Venancio Tamasauskas, já atuou no impresso, e parece agora querer recriar um outro universo, um mundo on-line, lugar que incentive as pessoas a ler, pensar e se posicionar sobre tudo. Destinada ao público jovem, a revista promete ser um referencial de pesquisa e comunicação. A experiência mostra que em pouco tempo, a revista deixou de ser apenas um espaço para ilustradores e profissionais da área do Design e tornou-se um local de discussão de diversos assuntos a partir de outro olhar. Espaços como esse são fundamentais à diversidade de informação.

Por Amanda Fischer


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: