REVISTA VIRTUS


Privacidade é mito: Somos todos celebridades by falle criativo

Olá amigos, está é uma matéria cedida por  LULI RADFAHER (luli@luli.com.br) é Ph.D. em comunicação digital pela ECA-USP, de onde também é professor há mais de dez anos. Trabalha com internet desde 1994.

1228931599_45bd5b6ea6

 

 Não é mais novidade pra ninguém que as mídias sociais esmigalharam a idéia que se tinha de privacidade e, conforme o ponto de vista, até de pudor. No entanto a diferença entre um indivíduo popular na web – ou do seu primo com 999 amigos no Orkut e seguido por outros tantos no Twitter – e o Tom Hanks ainda é enorme. Ela tem muito pouco a ver com os zilhões de dólares que o eterno Forrest Gump tem em conta. E no entanto eles são tão semelhantes…

Entre as diferenças óbvias de uma celebridade das antigas e seu correspondente no século 2.0 está, obviamente, o tamanho do impacto. Cada pontinho sem vergonha no IBOPE é equivalente à audiência de uma vida no cibermundo. Outra distinção digna de nota é, obviamente, a capacidade e o potencial de interação que as personas públicas digitais têm, o que naturalmente as torna mais próximas e – por que não dizer – mais reais que as cabeças falantes da Vênus platinada. Até aí, nada de novo. Mas talvez a maior diferença entre essas gerações de celebridades esteja em um aspecto que poucos tendam a levar em conta: sua espontaneidade.

Leia mais sobre essa matéria no blog de LULI RADFAHER

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: